Posts

,

Impulsione seus resultados com a automatização de processos

Se você está pensando em impulsionar seus resultados com a automatização de processos, ou mesmo entender como isso acontece, esse é o post que pode mudar a sua percepção de negócio.

Então, comece agora mesmo a conhecer a forma como essa estratégia pode ser essencial para a sua empresa.

Boa leitura!

Resultados com a automatização de processos – 4 vantagens para impulsionar a sua empresa

A princípio, lembre-se que automatização de processos se refere a uma estratégia que faz uso de sistemas e softwares para executar tarefas repetitivas.

Com isso, a tarefa manual é retirada do ser humano, que consegue ter mais tempo para realizar outras demandas.

Ao mesmo tempo, essa automatização traz os negócios para o futuro, que já está acontecendo. Referente a tecnologia como ferramenta básica de negócio.

Impulsione seus resultados com a automatização de processos

1# Objetos claros e diretos

Não é segredo que todas as empresas possuem objetos e metas específicas.

Na maior parte das vezes, esses objetivos estão diretamente relacionados a lucro ou impacto no mercado.

Como por exemplo: vender mais, aumentar a conversão de clientes, elevar a lista de contatos, se tornar uma referência e assim por diante.

Esses objetivos são muito importantes para que você tenha um caminho a seguir e um futuro a ser alcançado.

Pensando na automatização de processos, é possível impulsionar seus resultados porque surgem novas metas, que realmente são possíveis.

Com um potencial gigante, essa estratégia permite que você facilite algumas atividades em tempo real e de maneira automática, como:

  • Análise do fluxo de caixa;
  • Entrada rápida de notas;
  • Conciliação de contas;
  • Análises de pagamentos e recebimentos;
  • Criação de pedidos internos;
  • Negociações;
  • Transferências;
  • Identificação de movimentação de estoque, etc.

Ou seja, a estratégia permite que você suba de nível mais rapidamente, definindo um plano centrado e claro para atingir e crescer dentro do seu nicho.

2# Produtividade – Impulsione seus resultados com a automatização de processos

Se você está pensando em elevar seus resultados, é hora de começar a pensar na produtividade.

Em síntese, o termo se refere a fazer mais em menos tempo, garantindo uma conversão maior de números.

Ou seja, uma ideia amada pelos gestores, mas que, na prática, pode ser complicado quando você não possui ferramentas de apoio.

Assim, a automatização gera melhores resultados e ainda exige que menos colaboradores ou equipes sejam comprometidas.

Já que faz uso de mecanismos digitais.

Logo, a equipe pode ficar concentrada em outras tarefas enquanto a estratégia continua funcionando.

Caso você esteja na dúvida, um exemplo de automatização de processos que pode ajudar a atender isso tudo é o CRM.

O CRM, gestão de relacionamento com o cliente, funciona de maneira automática.

Assim, você terá as informações que precisa para realizar uma série de estratégias e planos com a equipe e também para criar novas ações de marketing e converter o público.

Porém, não vai precisar que uma equipe fique o tempo todo realizando essa gestão.

Logo, é um salto gigante na produtividade.

3# Melhor gestão de pessoas e atividades

Impulsione seus resultados com a automatização de processosEm uma empresa qualquer, existem diferentes equipes e tarefas, que funcionam a partir de um planejamento e definição de ações.

Portanto, você tem colaboradores em diversas áreas, que precisam cumprir com algumas atividades.

O problema é que, quando existe um grande número de atividades manuais, a maior parte da equipe acaba comprometida com isso.

Assim, os colaboradores possuem muito trabalho e pouco tempo para fazer outras tarefas estratégicas.

Seguindo essa linha, atividades como conversas, reuniões, upgrades de ações e outras atividades essenciais acabam em segundo plano.

Isso sem falar na sobrecarga e também no estresse que isso tudo pode causar.

Para impulsionar seus resultados com a automatização de processos, a chave está em melhorar essa gestão.

Então, é preciso reduzir o número de tarefas manuais e repetitivas, que podem ser feitas por sistemas.

Pense que, ao substituir o ser humano em uma tarefa manual, esta pessoa consegue realizar mais.

Além disso, dá para melhorar as relações internas, reduzir conflitos, elevar a criatividade e estimular a participação geral.

Automatizar é levar a sua empresa para um próximo nível, acompanhando as tendências e investindo no novo.

Desse modo, aos poucos, você consegue se tornar uma tendência, altera a cultura interna, traz inovação e melhora o planejamento.

4# Integre setores e crie padrões que funcionam

Pensando em impulsionar seus resultados com a automatização de processos, temos dois assuntos para apresentar.

Em primeiro lugar, é possível integras setores.

Isso acontece porque o sistema permite que você reúna várias informações da sua empresa.

Logo, os setores podem fazer uso de informações importantes para melhorar a atuação, sem que seja necessário recorrer a processos manuais.

Por exemplo, o sistema de contabilidade pode analisar o sistema de estoque, para saber onde é preciso investir mais.

Em segundo lugar, é possível criar um padrão para produtos e serviços.

Assim, padronizar permite que você seja reconhecido por aquele produto ou serviço que vende, funcionando como uma grande referência.

Dessa maneira, podemos imaginar marcar como o McDonald’s ou Burguer King.

Afinal, em qualquer cidade que você for e encontrar uma dessas lojas, o produto será exatamente igual.

Não à toa, isso gera uma confiança, sabendo o que esperar e tendo certeza sobre a qualidade.

Por outro lado, se você investe em produção de itens artesanais, de luxo ou feitos sob encomenda, a padronização do item em si não é possível.

Neste caso, a automatização de processos pode te ajudar a criar outros tipos de padronizações.

Como para o atendimento, que é diferenciado, para encontrar o público, para a experiência do pós-venda e assim por diante.

Dica de ouro

Por fim, é possível impulsionar seus resultados com a automatização de processos porque esse sistema aumenta e facilita a análise de desempenho.

Ao mesmo tempo, traz mais transparência para os negócios e reduz custos, sendo incorporada nas mais diferentes empresas.

Pensando nisso, o Grupo Viseu está separando uma série de posts imperdíveis. Confira agora!

Além disso, se você tiver alguma dúvida, aproveite e entre em contato com a nossa equipe.

Tenho certeza que você será capaz de fazer parte de um time que preza pela velocidade e eficiência para todos os processos usando as melhores tecnologias.

Enfim, ficou na dúvida? Comenta aqui embaixo ou compartilhe as suas dicas com nossos leitores.

,

Veja como funciona o RPA e se prepare para os negócios

Entender como funciona o RPA é compreender as mudanças de mercado e os avanços tecnológicos que permitem a modernização, o início de uma nova era.

Mesmo que isso não significa uma ruptura de mercado e sim uma alteração constante, que alavanca as possibilidades de transformação em uma sociedade cada vez mais digitalizada.

Assim, vamos mostrar aqui como essa tecnologia funciona e como você pode começar a se preparar para implantar essa ideia dentro da sua equipe e negócio. Seja em uma pequena empresa familiar ou mesmo em uma de grande porte.

Boa leitura!

Como funciona o RPA

Em síntese, RPA é a sigla para robotic process automation e se refere a automação de processos com o objetivo de elevar a produtividade de uma empresa.

Para isso, a tecnologia começa a alterar a forma de trabalho, exercendo atividades que antes precisavam de uma intervenção humana constante.

Porém, diferentemente do que alguns colaboradores podem pensar, essa tecnologia não surge para substituir o homem. E sim para integrar ambos.

Dessa forma, a automação permite que os processos sejam mais rápidos e práticos.

Ao mesmo tempo, isso permite que os colaboradores tenham mais tempo para desempenhar outras atividades essenciais.

O RPA é capaz de otimizar processos, alavancar resultados e melhorar o trabalho interno.

Daí, surge a dúvida: como funciona o RPA?

Veja como funciona o RPA e se prepare para os negóciosEm resumo, a tecnologia funciona como uma aplicação que vai executar atividades especificas de maneira parcial ou completa.

A escolha das atividades varia de acordo com cada empresa e com a forma de implantação que você escolher.

Com isso em mente, o principal objetivo é garantir que as tarefas diárias e repetitivas sejam rapidamente executadas, parcialmente ou completamente automatizadas.

Então, o RPA executa essas tarefas, como que imitando o comportamento humano.

Vale destacar que tudo isso acontece em rede, através de um computador.

Para que isso aconteça, o sistema inteligente tem uma interface.

Essa interface é responsável por construir as tarefas através de recursos e, com isso, é definido os comandos necessários. Automatizando o processo.

Pense que a tecnologia entende qual comando exige um clique, qual exige o arrastar e soltar e assim por diante.

Através dessa compreensão, o RPA repete todas essas atividades sempre que necessário de maneira rápida, independentemente do número de processos.

O principal benefício dessa tecnologia em relação a outras se refere a flexibilidade do software bem como a sua capacidade de se adaptar a vários processos.

Desse modo, é possível resolver e até evitar prejuízos permitindo que o colaborador possa se dedicar a outros trabalhos.

É importante destacar que esses softwares tem como foco atuar em tarefas repetitivas e operacionais.

Geralmente, são aquelas atividades inalteráveis do dia-a-dia de uma empresa.

Principais vantagens

Entre as principais vantagens que você pode garantir ao entender como funciona o RPA e implementar essa tecnologia na sua empresa, podemos destacar:

  • Automatização de atividades comuns do dia-a-dia;
  • Colaboradores com mais tempo para desempenhar outras atividades;
  • Definição de atividades de equipe que realmente precisam de atenção;
  • Aumento da produtividade;
  • Mais motivação para o seu negócio;
  • Redução de erros de processos;
  • Análises mais rápidas e com uma estrutura melhor;
  • Redução de custos a longo prazo;
  • Comunicação mais assertiva, entre outras.

Além do mais, de acordo com o processo que você decidir automatizar, pode garantir uma série de outras vantagens.

Dica de ouro

Algumas empresas já começaram a expandir essa tecnologia e até mesmo o conceito de como funciona o RPA.

Isso porque, incorporam o que chamamos de Intelligent Automation.

Nesses casos, essas empresas aliam diferentes softwares, tecnologias e/ou ferramentas para a automação de processos.

Você pode perceber então uma integração de execuções.

Como a robotização com a inteligência artificial, process mining e outros. Como o RPA é uma solução independente do sistema, dá para usar a tecnologia de maneira ampla.

E-book Metodologia para Projetos RPA

Robotic Process Automation

Baixe agora mesmo o e-book

Se prepare para os negócios

Sabendo como funciona o RPA, você pode acabar se perguntando:

Como se preparar para os negócios que estão crescendo com essa nova tecnologia? Como posso ser parte dessa nova mudança?

Dessa forma, a preparação consiste em duas principais etapas: definição dos processos que serão automatizados e escolha de software.

Em primeiro lugar, você deve considerar e analisar quais são as atividades da sua empresa que podem se beneficiar com essa tecnologia.

Assim, as mais comuns incluem:

  • Cobrança de cliente;
  • Atualização de perfis;
  • Encerramentos de contas definidas como fraudulentas;
  • Processamento de pedidos;
  • Verificação de pedidos;
  • Abertura de histórico de dados;
  • Operação de aplicações;
  • Gerenciamento de talentos em potencial;
  • Analise e validação de dados da empresa;
  • Monitoramento de tarefas;
  • Realização de cálculos;
  • Análises e atualizações de planilhas, etc.

Veja como funciona o RPA e se prepare para os negócios

Portanto, é preciso analisar o seu negócio e ver quais são as atividades que podem ser automatizadas e como isso será benéfico.

Lembre-se que se trata de um investimento.

Então, além de saber como funciona o RPA e escolher as atividades a serem automatizadas, também é preciso acompanhar a evolução.

Seguindo, você precisa definir quem será o fornecedor do RPA de acordo com as necessidades do seu negócio.

Para isso, você pode avaliar diversas questões, como especificidades técnicas, valores, suporte personalizado e funcionalidades.

Com o Grupo Viseu, você terá uma parceria de desenvolvimento com Consultores certificados.

Assim, você terá mais velocidade e eficiência para os seus processos. Com automação inteligente e suportada por tecnologias renomadas do mercado.

Se quiser saber mais, confira a nossa página para entender melhor nossos diferencias e o que temos a oferecer para o seu negócio.

Aproveite também para conversar com um de nossos representantes e tirar todas as suas dúvidas.

Enfim, ainda ficou com alguma dúvida? Deixe o seu comentário e comece a repensar no método e nas tecnologias que utiliza no seu negócio.

Além disso, se quiser saber mais sobre outro tema, compartilhe com a gente e não deixe de conferir os outros posts aqui da página.