Posts

A transformação digital como estratégia da sua empresa

A transformação digital como estratégia da sua empresa é uma forma de entender como o processo de mudança não é apenas essencial para o sucesso financeiro, mas também para se adaptar ao novo mundo.

Pensando nisso, aqui você vai conferir mais sobre o tema e entender como essa estratégia é essencial e mais simples do que pode imaginar.

Boa leitura!

A transformação digital como estratégia da sua empresa

A mudança em todo o cenário digital não é algo recente, mas que vem acontecendo desde os primórdios, com destaque para o surgimento da internet.

Só nos últimos vinte anos, aconteceram coisas como:

  • O telefone fixo deixou de ser uma referência e foi substituído pelos celulares;
  • As formas de pagamento mudaram, saindo para o dinheiro, cartão, contactless e carteiras digitais;
  • Os aplicativos de entrega ganharam espaço para que você tenha o que precisa sem sair de casa;
  • O acesso a conectividade se tornou comum no dia-a-dia;
  • As relações começam, em sua maioria, através da internet, etc.

Mas não é só isso, a sociedade como um todo mudou, sendo possível notar isso ao observar as gerações mais novas.

Cada vez mais, as pessoas querem um trabalho independente, não querem ficar presas a empresas com CLT, tem menos filhos, etc.

Ou seja, se todo o mundo está mudando dessa maneira, faz sentido que as empresas também mudem, para se adaptar a esse novo público.

Mas como exatamente a transformação digital funciona como estratégia para sua empresa?

De acordo com o dicionário, estratégia é o mesmo que plano, método ou uma manobra.

Esse plano funciona a partir de um objetivo ou resultado. Logo, é comum definir um ponto, onde se quer chegar, e definir passos para alcançar isso.

Em outras palavras, você começa a incorporar o digital como passos, para alcançar novos resultados, mas também para que, no futuro, tenha uma empresa atualizada.

A transformação digital como estratégia da sua empresa

Como a transformação digital acontece?

A transformação digital como estratégia da sua empresa acontece através de quatro fatores principais:

Pessoas:

As pessoas se referem a quem faz a transformação, adequação e aspecto, o que inclui toda a experiência do cliente e vivência.

Ou seja, mesmo com a tecnologia tendo o caráter de mudança e novas ferramentas, o ser humano continua presente e movimentando tudo.

Processos e tecnologia:

Os processos e tecnologia são os fatores que se referem a incorporação das novas ferramentas e funcionalidades que podem ajudar a sua empresa.

Como a inteligência artificial, RPA e tantos outros.

Vale destacar que o objetivo aqui é alcançar novas expectativas, entrar mais rapidamente no mercado e ter mais eficiência operacional.

O local de trabalho muda?

A transformação digital como estratégia da sua empresa também muda o local de trabalho bem como as relações que acontecem neste espaço.

Em suma, essa mudança faz com que o ambiente se torne mais dinâmico e simples, com foco em eficiência.

Da mesma maneira, novos locais de trabalho surgem, como o funcionamento em home office, que leva o escritório para a casas dos colaboradores.

Uma pesquisa da Coleman Parkes Research apresentou os seguintes números de mudanças:

  • 37% da receita vem de novos negócios;
  • 76% são melhorias em alcance digital;
  • 69% de melhora na competitividade.

A transformação digital como estratégia da sua empresa

Principais casos de sucesso – Transformação digital como estratégia da sua empresa com foco no futuro

Para que você entenda melhor como essa transformação é essencial e já está acontecendo, existem alguns casos que valem a pena conhecer.

Amazon

A Amazon é uma empresa reconhecida por se adaptar rapidamente as mudanças do mundo.

Como resultado, a marca começou um novo negócio, totalmente eletrônico e que recebeu o nome de Amazon Go.

Basicamente, dispense o uso de caixas-eletrônicos, tudo é feito por aplicativo e com uma estrutura bastante simples.

Basicamente, você seleciona os itens, o registro e pagamento são realizados e, depois, você retira esses produtos.

Google

O Google é uma das empresas mais conhecidas do mundo, usada diariamente com diversos fins.

Não á toa, 60% dos investimentos são voltados para essa mudança.

Atualmente, a plataforma lançou o Google Home, que utiliza os recursos do Google Assistente.

Então, é só dizer “Ok Google” que o sistema começa a realizar as tarefas.

Saudi Telecom Company

Diferente de todas as empresas de telecomunicações do mundo, a Saudi percebeu que algo a mais deveria ocorrer no mercado.

Então, contratou uma equipe completa e destinada a estudar a geração Millennials, com destaque para o estilo de vida.

Com isso, lançou uma unidade chamada Jawwy, que funciona estudando a persona de uma empresa e, a partir dos resultados, define qual a melhor solução digital.

Descubra o poder da transformação digital

Em síntese, a transformação na sua empresa vem para melhorar todo o desempenho e otimizar os processos.

Na prática, você será capaz de definir passos, alcançar cada um deles e ainda implementar novas e melhoradas etapas e ferramentas.

Portanto, é uma nova era para a liderança, os clientes se tornam ponto central de ação e ainda ocorre um processo de aprendizado contínuo.

Inclusive, esse aprendizado se dá por várias vertentes.

Desde a questão de conhecer melhor o público e colaboradores, até em relação a cultura da empresa, erros e acertos.

Grupo Viseu – Especialista em Desenvolvimento de Soluções Digitais

O Grupo Viseu nasceu para orientar organizações na profissionalização de sistemas e métodos de trabalho, gerando melhorias de resultados, redução de custos e certificações, necessárias para um crescimento sólido e sustentável.

Logo, uma empresa especialista em desenvolvimento de soluções digitais.

Para isso, oferecemos serviços/produtos como: RPA & IA, ERP com Totvs Protheus, BPM e Soluções em dados, BI. Com foco na automatização de processos com RPA.

Tudo baseado nas melhores tecnologias disponíveis no mercado e com Consultores certificados.

Grupo Viseu Portugal e Consultoria Visar em parceria no Webinar Gratuito

No mês de abril, o Grupo Viseu Portugal em parceria com a Visar-Consultores Associados realizaram um webinar gratuito, Processo Digitais: Como reduzir custos e aumentar a produtividade.

Um evento on-line com a proposta de compartilhar conhecimento sobre automação e transformação digital.

O conteúdo percorrido teve como tema central, a exploração do conceito dos processos digitais, como e onde esses processos estão sendo utilizados e apresentar as possibilidades através de cases reais de diversos segmentos.

Os principais tópicos abordados foram traduzidos por Roberto Armond (Head Portugal – Grupo Viseu) e Felipe Munhoes (Sócio Diretor – Grupo Viseu).

Roberto Armond – O Conceito do Processo Digital

“Antes de dissertar sobre a digitalização, temos que retomar e entender o conceito de processo.

O processo é um conjunto de ações relacionadas que são executadas para se obter um resultado definido.

Cada processo tem suas entradas, funções e saídas, e é executado de forma cíclica. Tendo como principais características, atividades manuais e sistêmicas, dados físicos e digitais, risco operacional, esforço de monitoramento, e é permanente e replicável.

Quanto ao processo digital, o objetivo é o mesmo, a diferença é como ele é executado.

Em um processo digital, as interações manuais são reduzidas, e todas as ações e tarefas sequenciais são executadas de forma automática e digital, assim acelerando a tomada de decisão ao longo do processo.

As atividades automáticas, o risco operacional reduzido, o rápido monitoramento digital e a escalabilidade. São os principais benefícios da transformação digital de um processo”.

Roberto Armond – O RPA

“O RPA é a tecnologia mais utilizada hoje nas empresas para a transformação digital de processos.

Em síntese, RPA é a sigla para robotic process automation e se refere a automação de processos robóticos com o objetivo de elevar a produtividade de uma empresa.

Para isso, utiliza de robôs de software para automatizar as tarefas de alto volume, repetitivas e baseadas em regras. Em uma atuação totalmente auditável e confiável.

Dessa forma, a automação permite que os processos sejam mais rápidos e práticos.

Ao mesmo tempo, isso permite que os colaboradores tenham mais tempo para desempenhar outras atividades essenciais.

O RPA é capaz de otimizar processos, alavancar resultados e melhorar o trabalho interno”.

Felipe Munhoes – Cases de Processos Digitalizados

grupo-viseu-portugal-e-consultoria-visar-em-parceria-no-webinar-gratuito

“A jornada de automação respeita o fluxo desde a origem da demanda até a produção. Portanto, é necessário entender em qual momento a sua empresa está referente a tecnologia.

As estratégias de uso das ferramentas de automação, variam de acordo com o objetivo de cada empresa. Suscitar alguns questionamentos importantes sobre qual o objetivo principal da sua empresa na implementação da tecnologia, faz toda a diferença no alinhamento das expectativas sobre o resultado.

Lembrando que a melhoria é contínua, é preciso definir responsabilidades para monitoramento e sustentação da tecnologia aplicada.

O Grupo Viseu sempre irá propor a melhor solução em um modelo compatível ao negócio do cliente”.

Se deseja ver a apresentação completa, confira o vídeo do evento:

O Grupo Viseu Portugal e a Consultoria Visar agradecem a participação de todos.

Essa é uma jornada de aprendizado para todo o mundo. E é só através de um ecossistema de parceria que iremos chegar além.

O impacto da força de trabalho digital na cultura das empresas

O RPA provocou mudanças na cultura das empresas que escolheram a força de trabalho digital, modificando muitas tarefas.

Porém, essas transformações fizeram com que a força de trabalho se tornasse mais produtiva, eficiente e mais ágil.

Agora, você pode entender melhor como as modificações feita pela cultura digital impacta as empresas.

Cultura digital nas empresas

O início da inserção da tecnologia nas empresas gerou um grande impacto na cultura de cada uma, principalmente, porque muitas tarefas rotineiras e repetitivas, que eram feitas por recursos humanos, foram substituídas ou adaptadas.

Apesar de parecer um grande desafio para a gerência, essa foi uma oportunidade de inovar a área operacional. E pode ser considerada um requisito para empresas que desejam ter alguma relevância no mercado, pois o investimento nesse setor é essencial para a sobrevivência das organizações.

Então, a cultura digital é mais do que somente utilizar tecnologia em uma empresa, é a transformação da estrutura da empresa por causa de inovações na tecnologia, ou seja, a mudança da cultura da empresa.

Portanto, entenda melhor como a força de trabalho digital vem provocando mudanças na cultura das empresas, principalmente, pelo uso do RPA.

Como a força de trabalho digital impacta na cultura das empresas

O trabalho digital começou fazendo mudanças em pequenas coisas, como tarefas do dia a dia, tarefas contínuas, as que levavam muito tempo, e até mesmo, aquelas que não essenciais para a sobrevivência da empresa ou não eram prioritárias.

É preciso alinhar o atendimento aos clientes, integrar os sistemas de todos os setores, fazendo com que eles tenham cooperação, sem interferências na informação.

Além disso, é necessário fazer mudanças na rotina dos funcionários, o que pode ser trabalhoso no início, visto que se cria um costume de tarefas que são feitas sempre e todos os dias.

E existem várias vantagens que podem ser vistas por meio da inserção do RPA nas empresas, como:

  • Maior produtividade;
  • Mais praticidade;
  • Maior agilidade;
  • Maior rentabilidade;
  • Melhor utilização dos conhecimentos e habilidades.

Logo, os processos se tornaram cada vez mais eficientes, simples e menos onerosos. Os serviços são oferecidos com maior qualidade (reduzindo erros), maior agilidade na entrega do produto ou serviço final, entre outros.

Com tudo isso, os funcionários da empresa podem produzir mais e se sentirem mais motivados, permitindo que eles adquiram mais conhecimentos nesse assunto e tenham uma boa impressão da empresa que trabalham.

O RPA é uma solução que pode ser implantada em qualquer setor da empresa, automatizando rotinas pré-definidas. Além disso, ele pode gerar relatórios com os dados obtidos através desse sistema, melhorando os processos, e possibilitando uma organização mais eficiente.

Ele pode te auxiliar a alcançar as metas que para você podem ser impossíveis de serem alcançadas, permitindo que os clientes se sintam mais satisfeitos e reduzindo os custos da operação.

Por isso, é importante que mesmo que haja uma grande mudança na cultura da sua empresa, ela possa ser realizada a fim de ter um impacto positivo.

Entre em contato com um de nossos especialistas em desenvolvimento de soluções digitais e implemente essa nova tecnologia que vai facilitar o seu dia a dia.

,

A importância de definir indicadores na jornada RPA da sua empresa

Ter indicadores definidos é essencial para quem deseja ter sucesso no seu negócio, a análise de índices ajuda a sua empresa otimizar desempenhos.

A falta desses elementos pode levar uma organização a obter menos capital, ser cada vez menos eficiente e produzir funcionários sem motivação.

Sabendo disso, você vai entender melhor como é importante determinar parâmetros ao inserir o RPA na sua empresa.

Estimulando o sucesso na implantação do RPA

Não há dúvidas de que fazer a implementação do RPA na sua empresa é a melhor escolha e que possui inúmeros benefícios.

Mas para que ela alcance sua real efetividade, é preciso definir as métricas corretas. Pular essa etapa, ou até mesmo deixar de fazê-la, pode fazer com que a empresa não obtenha retornos desejados.

Principalmente, os indicadores que fazem parte dos processos mais críticos da sua empresa.

Focar somente em indicadores comuns podem impedir que os gestores obtenham um melhor retorno dos esforços utilizados.

Saber, por exemplo, a quantidade de processos da sua organização que são automatizados, ou seja, sua força de trabalho digital é importante para entender como o RPA está se comportando e mostrar oportunidades de crescimento.

Outro indicador é o Valor Comercial Esperado. Ele ajuda no entendimento dos retornos obtidos pela economia de custos que o RPA gerou.

Por isso, é preciso estar atento se os indicadores estão sendo acompanhados, e se as alterações necessárias estão sendo feitas para impulsionar ainda mais a sua empresa.

Indicadores que podem alavancar a sua empresa durante a jornada do RPA

É preciso saber analisar os dados apresentados pelos indicadores, pois eles garantem a continuidade evolutiva da organização. Porém, é de extrema importância entender indicadores que vão além do básico, se você deseja se destacar da concorrência.

Existem vários indicadores que podem ajudar a sua empresa a estar mais perto de alcançar o sucesso. Por exemplo, a redução do tempo de ciclo.

Esse indicador mostra o tempo em média que é utilizado para a execução de um processo automatizado em comparação ao que era feito anteriormente — como de forma manual.

Parecido com o último indicador, o resultado de um processo específico, é uma métrica que leva em consideração a perspectiva de um processo específico ou até mesmo de uma área. Analisando a execução dos robôs e o impacto nos indicadores de eficácia e eficiência dentro de um panorama de todos os possíveis ganhos.

A utilização das automações, também pode ser outro indicador importante, possibilitando que os gestores saibam se estão aproveitando a disponibilidade do robô da melhor forma, ou seja, se de fato está entregando valor na quantidade esperada ou se está sendo inutilizado ou subutilizado.

Portanto, é possível ver a importância que os indicadores representam no dia a dia da empresa, e principalmente no futuro, que deixa de ser tão incerto, e se torna mais previsível e eficiente.

Entre em contato com um de nossos especialistas em desenvolvimento de soluções digitais e implemente essa nova tecnologia que vai facilitar o seu dia a dia.

,

5 exemplos de casos de uso de RPA no departamento fiscal

Utilizar o RPA em diversas áreas é uma excelente escolha, e não é diferente com o departamento fiscal.

Muitas das atividades que o seu departamento executa, podem ser facilmente substituídas por um RPA.

Agora, vamos ver como a utilização do RPA pode auxiliar na rotina do departamento fiscal.

Emissão e pagamentos automáticos de impostos

Existem alguns tipos de tributos que são obrigatórios, e costumam ter o pagamento definido anualmente. Dessa maneira, ter um RPA pode ajudar muito nessa rotina.

Ele Permite que os impostos sejam emitidos e pagos de forma automática, evitando atrasos, erros e facilidade ao monitorar durante o ano os compromissos fiscais. Ou seja, tudo que demandava muita atenção ao ser feito, passa a ser automatizado.

Conciliação e reconciliação tributária e fiscal

O RPA pode ser extremamente importante aqui, pois essa é uma atividade muito minuciosa. Ou seja, é uma comparação dos saldos das contas e qual a rota de toda a movimentação financeira que foi percorrida.

Confira aqui 5 exemplos de casos de uso de RPA no departamento financeiro.

E é através dela que é possível visualizar erros que alterem os valores finais nas obrigações fiscais, e corrigir, antes que o problema aumente. Além de ajudar na integração com a área contábil que andam juntas para evitar problemas na parte fiscal.

Prevenção Fiscal

O RPA também pode ser utilizado para prevenir que alguns problemas ocorram, dando mais consistência e tornando mais previsível os resultados que são obtidos pelas análises e relatórios. Isso ajuda na mitigação de riscos.

Além disso, ele também faz a coleta e registra dados mais confiáveis do que poderia ser feita por recursos humanos.  Evitando o uso de tempo em digitar, copiar, colar dados, ou seja, uma rotina simples que pode ser automatizada.

Mais do que prevenir, é possível fazer uma projeção do futuro através dos relatórios que são feitos de maneira ágil. Assim como as ações certas são facilmente perceptíveis.

5 exemplos de casos de uso de RPA no departamento fiscal

Acompanhar constantemente a legislação tributária

Outra utilização que o RPA pode ter é acompanhar constantemente a legislação tributária, considerando que é uma área que sofre contínuas mudanças, ou seja, é extremamente dinâmica.

Todos os dias novas medidas provisórias, decretos, leis, emendas, etc., são lançadas, e por isso é complicado acompanhar.

E isso dificulta se manter atualizado, e principalmente, seguindo as regras que estão vigentes, ou seja, garantindo o devido cumprimento das regras de compliance.

Analisar e certificar as operações da empresa

Ter certeza de que as operações da empresa estão ocorrendo de forma correta, é essencial para evitar problemas com o Fisco. Sendo assim, utilizar o RPA pode ser uma ótima alternativa para evitar erros, que por sua vez podem refletir em multas, juros, entre outros.

Além de que essa atividade exige muita atenção e tempo das pessoas envolvidas, e com o RPA é possível obter maior precisão nos cálculos. É também possível, que ele seja um suporte para as decisões que precisam ser tomadas.

Por isso, utilizar um RPA é uma ótima escolha para melhorar a experiência dos colaboradores, aumentar a velocidade, tomar decisões e analisar processos com um alto volume de dados.

Entre em contato com um de nossos especialistas em desenvolvimento de soluções digitais e implemente essa nova tecnologia que vai facilitar o seu dia a dia.

,

5 exemplos de casos de uso de RPA no departamento financeiro

A robotização está alcançando cada vez mais patamares nas organizações, fazendo com que todos os funcionários se adaptem a essa nova realidade.

Além disso, é possível ver um melhor aproveitamento das vantagens que essa novidade oferece e uma enorme economia de tempo.

Agora, vamos ver como o RPA pode ser útil na rotina de quem trabalha no departamento financeiro.

Usos do RPA no setor financeiro

A utilização do RPA nesse tipo de departamento pode ter muita utilidade em vários aspectos.

Ele pode permitir que as empresas em geral de serviços financeiros ou bancos modifiquem operações que são feitas por pessoas de forma manual e repetitiva. Além daquelas que fazem muita utilização de dados, obedecendo a várias condições rigorosas e que estão sempre mudando.

Podem ser utilizados em entradas de relatórios e dados, como por exemplo: Formalização de processos e contratos. Isso gera mais velocidade, menor custo e menos erros.

Por isso, vamos entender como pode ser usado o RPA no departamento financeiro.

Planejamento Orçamentário e Financeiro

O Planejamento é a primeira etapa a ser feita em diversas ocasiões da empresa. É através dele que é possível concluir se certos gastos, ou investimentos, são mais benéficos ou não, se um projeto tem um grande potencial de dar certo ou até se é preciso fazer mudanças na organização.

Sendo assim, utilizar o RPA é fundamental para que o planejamento tenha menos possibilidades de erros, mostre resultados mais próximos da realidade e ajude o time de gestão na tomada de decisão.

Controle de Entradas e Saídas

Assim como o Planejamento, controlar as entradas e as saídas é uma tarefa que exige muito tempo e esforço das pessoas envolvidas. Por isso, utilizar o RPA auxilia na diminuição desses dois fatores, permitindo que eles possam ser empregados em outras tarefas.

Manter o controle de todas as contas da empresa, tendo um detalhamento completo de todas as entradas e saídas, traz mais segurança e consistência à operação da empresa. A automação financeira de entradas e saídas mantém todos os recebimentos e pagamentos conciliados com os sistemas da empresa.

Emissão de Notas

Emitir notas fiscais é uma outra tarefa que demanda muito tempo, e precisa ser feita com muita atenção, pois caso aconteçam erros, muita burocracia pode ser gerada.

Por esse motivo, o uso do RPA nesse tipo de serviço é uma excelente escolha, já que o maior trabalho utilizado será a definição das regras para a emissão automática. Isso gera uma economia de tempo, além de diminuir a quantidade de problemas que podem ocorrer, caso erros aconteçam.

Emissão de Relatórios e demonstrativos

Com a utilização do RPA, é possível gerar relatórios e demonstrativos através dos dados obtidos por meio desse sistema. Ele pode auxiliar na tomada de decisão, permitindo ter mais clareza nas informações e evitando erros diversos.

Também pode ser útil nas auditorias e nas prestações de contas.

Prestação de Contas

O setor financeiro é uma das áreas mais auditadas, pois a existência de erros pode ocasionar, em casos muito graves, até a falência da empresa. Utilize o RPA para fazer o registro de tarefas nos padrões corretos, a fim de obter uma adequada prestação de contas nas auditorias.

Dessa forma, é possível fazer uma auditoria de maneira mais fácil, concluindo se o setor financeiro está agindo conforme às regras impostas.

Por isso, é importante a utilização da robotização nesse setor, em especial o RPA, para ajudar a facilitar o trabalho realizado por esses funcionários.

Entre em contato com um de nossos especialistas em desenvolvimento de soluções digitais e implemente essa nova tecnologia que vai facilitar o seu dia a dia.

,

A segurança de dados e o RPA como auxílio

O RPA pode dar mais confiabilidade e credibilidade a sua empresa, além de diminuir muitos riscos em relação à segurança de dados.

Mas se você não sabe como começar a se tornar uma empresa mais segura e trazer mais confiança aos seus clientes, é preciso mudar essa realidade.

Agora você pode entender melhor como os processos podem ser simplificados e diminuir os riscos do seu negócio.

Segurança de dados na empresa

Quando se trata da transformação digital das empresas, os dados se tornam um assunto primordial. Principalmente, após a edição da Lei nº 13/709 (Lei Geral de Proteção de Dados- LGPD) que regula a forma que serão tratados os dados pessoais, inclusive nos meios digitais.

Toda essa importância se dá em um período que o público está mais cauteloso em relação ao armazenamento e uso dos dados, considerando que essa é uma forma importante de entender melhor o consumidor e obter lucros.

E por esse motivo, ele procura empresas que sejam confiáveis, que não possuam indícios de vazamentos de dados e que se preocupem com que pode ser divulgado ou não.

Parece ser complicado seguir todas as regras impostas por essa lei, e evitar muitos problemas que podem sofrer sanções pelo Poder Público. Apesar disso, com a ajuda do RPA, é possível tornar esse processo muito simples, de forma que isso não seja uma preocupação constante.

Como a RPA pode melhorar o tratamento de dados dos clientes da sua empresa?

O RPA oferece a opção de segurança dentro da transformação digital, e tem como objetivo garantir conceitos de privacidade, transparência e consentimento dos usuários.

Ter uma base de uma organização resguardada pelo RPA, possibilita a empresa a acompanhar novas modificações, além de proporcionar efetividade e velocidade.

Com o RPA, é possível ter inúmeros benefícios nos processos, entre eles:

  • Automatizar processos;
  • Baixo custo;
  • Maior controle
  • Capacidade de auditoria

Todo o processo de assegurar que os dados dos usuários não sejam vazados, pode ser realizado com uma menor força de trabalho, sem erros e que costumam ocorrer com muitas horas focadas em uma atividade.

Além de que os seus funcionários podem focar em processos prioritários e urgentes. E isso pode ser uma possibilidade para o desenvolvimento de competências em automação.

O RPA pode ser útil ao dar informações suficientes para agilizar os processos, e possibilitar a geração de análises que ajudem seu negócio a crescer e se tornar mais eficiente.

Com isso, o gestor possui várias razões para investir em um ambiente digital seguro, possibilitando uma nova relevância à tomada de decisões. E tornar esse processo mais transparente, privado e com o consentimento dos usuários.

Por isso, é possível estar entre as empresas mais confiáveis e seguras, ou entre aquelas que perdem clientes pela falta de confiança do público.

Entre em contato com um de nossos especialistas em desenvolvimento de soluções digitais e implemente essa nova tecnologia que vai facilitar o seu dia a dia.

,

Como o RPA & IA vieram revolucionar o processo de transformação digital?

Entender como o RPA & IA vieram revolucionar o processo de transformação digital é a chave para entender melhor como o mercado está funcionando e também crescendo.

A partir dessa perspectiva, você será capaz de atribuir as ferramentas essenciais para o seu negócio bem como entender o que a sua empresa realmente precisa.

Pensando nisso, vamos apresentar aqui um contexto geral sobre os temas, como essa mudança vem acontecendo e o que esperar para os próximos anos.

Boa leitura!

Contexto geral – Entenda do que estamos falando

Para começar, é importante considerar um pouco da história para entendermos o contexto todo no qual estamos vivendo.

Em resumo, desde que o ser humano existe, transformações vem acontecendo no cenário de relações humanas, criação e desenvolvimento de negócios e tecnologia.

Exemplo disso é o marco da Revolução Industrial, que deu início a produção em larga escala.

Agora, também podemos dividir as empresas em duas: pré e pós digital.

Tal categorização se refere ao processo de usar a tecnologia como ferramenta básica, para melhorar e impulsionar o desempenho de um negócio.

Assim, essa é a transformação: o processo de aderir ao que há de novo no mercado, como softwares, para começar a ser parte desse novo mundo.

Inclusive, saiba que todas as empresas podem passar por essa transformação. Sendo uma mudança na estrutura e que acontece rapidamente ou aos poucos.

Com isso em mente, temos dois conceitos básicos que você precisa compreender melhor:

Inteligência artificial:

A IA, ou inteligência artificial, funciona através de sistemas de software que imitam a ação/conhecimento humano.

Dessa forma, trata-se de um campo onde máquinas e/ou sistemas conseguem realizar tarefas, aprender com essas atividades e também se desenvolver.

Para tal, faz uso de redes artificiais, algoritmos e mais, que imitam o pensamento humano.

Como os famosos chatboats.

Automação de processos robóticos:

Já a RPA é uma tecnologia focada na automação, ou seja, um sistema automático e eficiente capaz de desenvolver tarefas, mensurar e fazer correções.

Nesta área, o principal foco são os robôs de software ou a inteligência artificial, sendo também chamado de robótica de sistemas.

A ideia é criar trabalhadores e sistemas digitais com o máximo de funcionalidade.

No campo de atuação, o RPA atua, principalmente, em tarefas diárias, repetitivas e operacionais.

Como o RPA & IA vieram revolucionar o processo de transformação digital?

Como o RPA & IA vieram revolucionar o processo de transformação digital

Agora que você já tem uma base prática, surge a ideia de como o RPA & IA vieram revolucionar o processo de transformação digital não é mesmo?

De maneira simples, podemos afirmar que essas tecnologias trazem um aumento na qualidade de processos.

Na prática, isso significa tornar o sistema de uma empresa mais completo, inteligente e eficiente.

Ao mesmo tempo, é possível reduzir os custos, investir em áreas de maior impacto, elevar a conversão e também aumentar o número de pessoas altamente qualificadas.

Com esse processo de transformação, os trabalhadores também precisam crescer com o negócio.

Logo, novas áreas, formações e especializações surgem.

Assim, vamos pensar de maneira fragmentada, para facilitar um pouco as coisas.

O RPA vem para tornar diversos trabalhos diários mais rápidos e simples.

Da mesma maneira, acelera a obtenção de resultados, números e informações. Que são importantes para qualquer negócio.

A IA vem, principalmente, para facilitar a interação com o público, o que impacta nos lucros devido a conversão e fidelização de usuários.

Com isso em mente, todos os processos se tornam mais fluídos e naturais.

Imagine, por exemplo, que, todos os dias, você precisa lidar com tabelas e com o chat da sua empresa. Que está começando agora na internet.

O RPA será a chave para reduzir o tempo gastos com essas planilhas e a IA é a ferramenta para o atendimento, mesmo que o inicial.

Isso significa mais tempo para você pensar no seu negócio, melhorar a sua atuação, aumentar as ações de marketing e direcionar corretamente os leads.

Dessa forma, dá para entender porque algumas empresas crescem mais rapidamente que outras: é a adaptação ao mercado.

Importante

Como o RPA & IA vieram revolucionar o processo de transformação digital?Entender como o RPA & IA vieram revolucionar o processo de transformação digital é ter em mente que essas tecnologias funcionam em conjunto.

Portanto, ambas permitem que demandas analíticas e complexas sejam intensificadas.

Assim, sistemas antigos são substituídos, dando espaço para novos.

É importante pensar que essa mudança de negócio permite que você tenha mais liberdade para pensar e aderir a novas ideias.

Da mesma maneira, é possível incorporar soluções diferente e inovadores, seguindo as tendências do mercado.

No dia-a-dia, você terá mais agilidade para executar diversas tarefas e um desenvolvimento de sistema melhor customizado.

O que esperar para os próximos anos?

Devido ao avanço constante dos negócios e tecnologia, a transformação digital é uma realidade inegável.

Assim, para os próximos anos, podemos pensar que existem diversas novas ferramentas, ideias e possibilidades a caminho.

Como hoje temos um mundo cada vez mais tecnológico, é de se imaginar que isso não vai mudar. Sendo necessário se incorporar a esse plano.

Uma pesquisa apresentada na revista Época mostrou que, dentro de dez anos, tecnologias simples, para o cotidiano, serão a principal tendência, como:

  • Sistemas para que a comida não queime;
  • TVs menores e portáteis;
  • Aumento no uso de carros com “energia verde”;
  • Aumento no uso de bicicletas inteligentes;
  • Melhora no sistema de diagnósticos e tratamentos, entre outras.

Pensando nas empresas, o setor de tecnologia vai crescer, principalmente, com foco em sistemas que sejam mais eficientes e com respostas mais fechadas, visando um melhor resultado financeiro.

Logo, existem destaques, como:

  • Aumento no uso de sistemas de software para automação de tarefas;
  • Crescimento da aplicação e desenvolvimento da inteligência artificial;
  • Programas de análise de colaboradores para prevenção de acidentes;
  • Maior preocupação com estresse e doenças potenciais dentro das empresas;
  • Novas áreas de estudo e desenvolvimento de sistemas;
  • Avanço na tecnologia de proteção e uso de dados;
  • Aumento no consumo de produtos digitais e muitas outras.

Enfim, nós do Grupo Viseu estamos aqui para que você comece a dar os primeiros passos em direção ao futuro que está te esperando.

Assim, não perca mais tempo, entre em contato com um de nossos especialistas e dê uma repaginada no seu negócio.

Inclusive, não deixe de comentar o que mais gostaria de ver aqui na página para que eu possa ajudar neste caminho.

,

Como o RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresa

O RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresa, elevar o grau de competitividade e também de excelência.

Porém, se você ainda não sabe como isso pode acontecer, é hora de conhecer tudo sobre o assunto e dar os primeiros passos em direção a automatização de tarefas manuais e repetitivas.

Assim, vai ser mais simples começar a fazer parte do futuro e levar a sua empresa a se tornar uma referência no mercado.

Vamos lá?

Como o RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresa

Como o RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresaA princípio, vamos considerar o cenário atual do mercado.

Nos últimos anos, novas estratégias começaram a se tornar rotina nos processos empresariais, tornando-se indispensáveis.

Da mesma maneira, o capital humano dos negócios passou por um tipo de upgrade.

Se antes os colaboradores precisavam passar horas realizando uma atividade, agora esse mesmo grupo de pessoas está mais focado em tomadas de decisões, novas ideias, melhorias de processo que já existem e planejamento.

Porém, isso só se tornou uma realidade porque a tecnologia favoreceu o trabalho, aumentando o tempo disponível e reduzindo a carga de trabalho manual.

Pense, por exemplo, quanto tempo um funcionário precisava dedicar a preencher tabelas, pranchetas e relatórios. Todos os dias.

Neste cenário, o RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresa porque aproveita melhor o capital humano.

Para isso, esses humanos são direcionados para áreas realmente necessárias e indispensáveis, que não podem ser substituídas.

Inclusive, é válido pensar que existe um mito de que esses sistemas de robôs vão “dominar” os negócios.

Em outras palavras, há quem acredite que os humanos seriam dispensáveis.

Mas isso não é verdade.

O que acontece é que há uma troca de atividades e, como resultado, esses humanos precisam se adaptar a isso, ocupando novos cargos e novas áreas e profissões.

Por isso, ao pensar em RPA, imagine um sistema de rede em conjunto que funciona com softwares capaz de mapear e executar tarefas antes manuais e repetitivas.

Então, vamos lá.

Monitoramento preciso:

Primeiramente, o RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresa porque permite que o monitoramento de dados seja mais preciso.

Em síntese, os sistemas de RPA realizam um acompanhamento contínuo, em tempo real.

Dessa maneira, dá para criar configurações a partir de métricas e indicadores para que você tenha um controle ainda maior.

Basicamente, você tem acesso a todas as informações de maneira integrada.

Assim, fica mais fácil entender o panorama total da empresa.

Suponha que você esteja de olho no faturamento.

Com essa tecnologia, você fica de olho nos números sem nenhuma dificuldade e ainda consegue definir indicadores para que isso salte aos olhos.

Da mesma forma, se você tiver loja física e online, consegue integrar os dados, para ter uma visão unificada.

Como o RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresa com a segurança:

Como o RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresaConsiderando que o mundo é cada vez mais tecnológico, segurança de dados é um dos assuntos que sempre estão em alta.

Isso porque, a segurança se tornou uma palavra e ordem dos sistemas, sendo adicionada como essencial e básica para qualquer software.

Dessa forma, já existem leis para amparar empresas e pessoas físicas, permitindo que o acesso por terceiros seja ainda mais difícil.

Enfim, com essa tecnologia, é possível evitar o vazamento de dados.

Inclusive, você sabia que um dos problemas encontrados hoje em algumas empresas que seguem um modelo antigo é que os próprios funcionários acabam repassando informação?

Isso acontece porque os processos e manipulações manuais aumentam as chances de que um volume alto de pessoas veja todas essas informações.

Entretanto, ao incorporar o RPA, esse acesso é reduzido. Ficando disponível para poucos.

Já pensando em brechas de segurança, esses sistemas de robótica possuem uma proteção contra agentes maliciosos.

Ou seja, mais proteção para a sua empresa.

Os custos operacionais caem rapidamente:

Custos operacionais se refere, principalmente, a todas as ações humanas realizadas dentro de um negócio.

Portanto, a mão de obra.

Assim, esse custo operacional é caro por uma série de motivos, como:

  • O humano precisa passar horas e horas em cima de burocracias e sistemas manuais;
  • Existem diversos tributos;
  • Não é um trabalho rápido e simples;
  • É comum que sobrecarregue o departamento de RH;
  • Pode ser necessário desenvolver outros códigos para conectar diferentes sistema, o que significa mais mão de obra e assim por diante.

Enfim, o RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresa porque se trata de algo definitivo e mais completo.

Isso acontece porque o software precisa que uma resposta aconteça apenas uma vez para que seja aplicado.

Ao mesmo tempo, é capaz de integrar diferentes indicadores e reduzir toda a burocracia.

Isso não quer dizer que o sistema vai resolver todos os problemas que existem na sua empresa.

Mas sim que é possível automatizar processos e otimizar o tempo de trabalho.

Competitividade do mercado:

Desde o início dos tempos, as empresas podem ou não fazerem parte de uma corrida no mercado.

Ou seja, ser reconhecida como uma referência ou ficar em segunda, terceira e quarta posição.

Essa competitividade é natural, já que cada empresa tem como objetivo simples os lucros, vendas e/ou conversões.

Como resultado, você também pode começar a implementar sistemas que permitam que você faça parte dessa corrida, ganhando a sua fatia de público.

O RPA pode promover mudanças nos processos da sua empresa justamente porque é capaz de:

  • Reduzir custos;
  • Otimizar tempo;
  • Melhorar a destruição de colaboradores;
  • Aumentar a retenção de talentos;
  • Aumentar a produtividade;
  • Garantir informações em tempo real.

Assim, esse “combo” de vantagens levar você à frente de outros negócios, que ainda estão em um modelo antigo e precário.

Isso se chama ganhar em escala.

Em outras palavras, é o mesmo que se adaptar de forma rápida a demanda do mercado, acompanhar as tendências e participar de tudo o que está acontecendo.

Enfim, você pode escolher entre ser a empresa que conquista espaço e público ou aquela que se recusa a crescer, a adotar novas tecnologias.

Para mudar, aproveite e entre em contato com um de nossos especialistas em desenvolvimento de soluções digitais.

Então, ficou com alguma dúvida? Comente aqui embaixo.

Aproveite também para compartilhar as suas dicas e experiências com nossos leitores ou outro tema que gostaria de ver aqui na página.

,

Impulsione seus resultados com a automatização de processos

Se você está pensando em impulsionar seus resultados com a automatização de processos, ou mesmo entender como isso acontece, esse é o post que pode mudar a sua percepção de negócio.

Então, comece agora mesmo a conhecer a forma como essa estratégia pode ser essencial para a sua empresa.

Boa leitura!

Resultados com a automatização de processos – 4 vantagens para impulsionar a sua empresa

A princípio, lembre-se que automatização de processos se refere a uma estratégia que faz uso de sistemas e softwares para executar tarefas repetitivas.

Com isso, a tarefa manual é retirada do ser humano, que consegue ter mais tempo para realizar outras demandas.

Ao mesmo tempo, essa automatização traz os negócios para o futuro, que já está acontecendo. Referente a tecnologia como ferramenta básica de negócio.

Impulsione seus resultados com a automatização de processos

1# Objetos claros e diretos

Não é segredo que todas as empresas possuem objetos e metas específicas.

Na maior parte das vezes, esses objetivos estão diretamente relacionados a lucro ou impacto no mercado.

Como por exemplo: vender mais, aumentar a conversão de clientes, elevar a lista de contatos, se tornar uma referência e assim por diante.

Esses objetivos são muito importantes para que você tenha um caminho a seguir e um futuro a ser alcançado.

Pensando na automatização de processos, é possível impulsionar seus resultados porque surgem novas metas, que realmente são possíveis.

Com um potencial gigante, essa estratégia permite que você facilite algumas atividades em tempo real e de maneira automática, como:

  • Análise do fluxo de caixa;
  • Entrada rápida de notas;
  • Conciliação de contas;
  • Análises de pagamentos e recebimentos;
  • Criação de pedidos internos;
  • Negociações;
  • Transferências;
  • Identificação de movimentação de estoque, etc.

Ou seja, a estratégia permite que você suba de nível mais rapidamente, definindo um plano centrado e claro para atingir e crescer dentro do seu nicho.

2# Produtividade – Impulsione seus resultados com a automatização de processos

Se você está pensando em elevar seus resultados, é hora de começar a pensar na produtividade.

Em síntese, o termo se refere a fazer mais em menos tempo, garantindo uma conversão maior de números.

Ou seja, uma ideia amada pelos gestores, mas que, na prática, pode ser complicado quando você não possui ferramentas de apoio.

Assim, a automatização gera melhores resultados e ainda exige que menos colaboradores ou equipes sejam comprometidas.

Já que faz uso de mecanismos digitais.

Logo, a equipe pode ficar concentrada em outras tarefas enquanto a estratégia continua funcionando.

Caso você esteja na dúvida, um exemplo de automatização de processos que pode ajudar a atender isso tudo é o CRM.

O CRM, gestão de relacionamento com o cliente, funciona de maneira automática.

Assim, você terá as informações que precisa para realizar uma série de estratégias e planos com a equipe e também para criar novas ações de marketing e converter o público.

Porém, não vai precisar que uma equipe fique o tempo todo realizando essa gestão.

Logo, é um salto gigante na produtividade.

3# Melhor gestão de pessoas e atividades

Impulsione seus resultados com a automatização de processosEm uma empresa qualquer, existem diferentes equipes e tarefas, que funcionam a partir de um planejamento e definição de ações.

Portanto, você tem colaboradores em diversas áreas, que precisam cumprir com algumas atividades.

O problema é que, quando existe um grande número de atividades manuais, a maior parte da equipe acaba comprometida com isso.

Assim, os colaboradores possuem muito trabalho e pouco tempo para fazer outras tarefas estratégicas.

Seguindo essa linha, atividades como conversas, reuniões, upgrades de ações e outras atividades essenciais acabam em segundo plano.

Isso sem falar na sobrecarga e também no estresse que isso tudo pode causar.

Para impulsionar seus resultados com a automatização de processos, a chave está em melhorar essa gestão.

Então, é preciso reduzir o número de tarefas manuais e repetitivas, que podem ser feitas por sistemas.

Pense que, ao substituir o ser humano em uma tarefa manual, esta pessoa consegue realizar mais.

Além disso, dá para melhorar as relações internas, reduzir conflitos, elevar a criatividade e estimular a participação geral.

Automatizar é levar a sua empresa para um próximo nível, acompanhando as tendências e investindo no novo.

Desse modo, aos poucos, você consegue se tornar uma tendência, altera a cultura interna, traz inovação e melhora o planejamento.

4# Integre setores e crie padrões que funcionam

Pensando em impulsionar seus resultados com a automatização de processos, temos dois assuntos para apresentar.

Em primeiro lugar, é possível integras setores.

Isso acontece porque o sistema permite que você reúna várias informações da sua empresa.

Logo, os setores podem fazer uso de informações importantes para melhorar a atuação, sem que seja necessário recorrer a processos manuais.

Por exemplo, o sistema de contabilidade pode analisar o sistema de estoque, para saber onde é preciso investir mais.

Em segundo lugar, é possível criar um padrão para produtos e serviços.

Assim, padronizar permite que você seja reconhecido por aquele produto ou serviço que vende, funcionando como uma grande referência.

Dessa maneira, podemos imaginar marcar como o McDonald’s ou Burguer King.

Afinal, em qualquer cidade que você for e encontrar uma dessas lojas, o produto será exatamente igual.

Não à toa, isso gera uma confiança, sabendo o que esperar e tendo certeza sobre a qualidade.

Por outro lado, se você investe em produção de itens artesanais, de luxo ou feitos sob encomenda, a padronização do item em si não é possível.

Neste caso, a automatização de processos pode te ajudar a criar outros tipos de padronizações.

Como para o atendimento, que é diferenciado, para encontrar o público, para a experiência do pós-venda e assim por diante.

Dica de ouro

Por fim, é possível impulsionar seus resultados com a automatização de processos porque esse sistema aumenta e facilita a análise de desempenho.

Ao mesmo tempo, traz mais transparência para os negócios e reduz custos, sendo incorporada nas mais diferentes empresas.

Pensando nisso, o Grupo Viseu está separando uma série de posts imperdíveis. Confira agora!

Além disso, se você tiver alguma dúvida, aproveite e entre em contato com a nossa equipe.

Tenho certeza que você será capaz de fazer parte de um time que preza pela velocidade e eficiência para todos os processos usando as melhores tecnologias.

Enfim, ficou na dúvida? Comenta aqui embaixo ou compartilhe as suas dicas com nossos leitores.